EDIÇÃO IMPRESSA ATUAL - Nº 90-OUTUBRO DE 2007
Clouse Marinho



Dia das Mães - UnidadeII
[13/07/2006- Matéria da Edição :77 - maio de 2006 ]
Usando as palavras da Nossa Escola "… De repente o dia virou noite...", papéis picotados, prateados caíam sobre o chão, juntamente com nossas lágrimas!! Nó na garganta, suor, arrepios... EMOÇÃO À FLOR DA PELE!
Eu olhava ao redor e sentia essa energia tomar conta de todos os presentes: mãe, pai, avós, professores...
À tarde, quando fui trabalhar, um cliente comentou: "Você está diferente hoje, com um brilho no olhar"; e eu, com um sorriso maroto, respondi: " O brilho de ser MÃE!!".
Adriana, mãe de Raphael Ângelo (Alfa II B)


"Foi uma linda comemoração com ares de super-produção. Fiquei emocionada! Foi muito lindo presenciar a magia daquele momento, com suas músicas e seus encantos.
Parecia que estávamos em um lugar mágico, talvez um lindo jardim ou quem sabe, diante de um pedacinho do céu..."
Edmeire, mãe de Lorena (Alfa II B)


"(...) Logo cedo, tomei meu banho e personifiquei a "mãe coruja", vestindo a camisa da torcida. A impressão é que seria a única mãe naquele recinto. Às 11h já estava lá, na porta da escola. Precisava pegar um bom lugar, né? Quando as portas se abriram, corri para tentar um melhor lugar e descobri o óbvio: todas as mães são corujas! Todas tiveram o mesmo pensamento, comportamento e atitude. Mãe é tudo igual mesmo! E nesse caso, não muda nem de endereço: todas são da Nossa Escola. (...)
Cada música, uma emoção de lágrimas contidas. Imagina se eu ia pagar esse mico de me verem chorando! Parecia até que só ouvia a voz de meu filho cantando e de mais ninguém.
Realmente, assim como Pietro anunciou, emocionei-me bastante. E a escola está de parabéns por ter proporcionado isso pra gente".
Ana Débora, mãe de Pietro (Alfa II A)


"Como é sagrado a Nossa Escola nos homenagear...
Esta homenagem é esperada com muita curiosidade e ansiedade, até porque é um esforço muito grande de todos os alunos e da escola de um modo geral.
Sem dúvida, foi belíssima, emocionante; só faltou um pouquinho mais do "tempero" à voz das crianças.
Vocês que fazem a Nossa Escola estão de parabéns, e que continuem incentivando nossos filhos para nos homenagear"
Ofélia, mãe de Igor Gabriel (Alfa II A)